Páginas

terça-feira, 8 de junho de 2021

Golpistas se passam por funcionários do Ministério da Saúde para clonar WhatsApp

                                                

Golpistas vêm usando o nome do Ministério da Saúde para aplicar golpes, na tentativa de clonar aplicativos das vítimas, roubar dados e obter dinheiro de forma ilícita. Em uma das modalidades, o criminoso se passa por funcionário do Ministério da Saúde e afirma que está fazendo uma pesquisa sobre o novo coronavírus para tentar clonar o WhatsApp da vítima. O golpista faz algumas perguntas aleatórias sobre o perfil do interlocutor e em dado momento da conversa envia números ao receptor da ligação dizendo que são o protocolo de atendimento. Na verdade, o que ele está enviando são dígitos que , uma vez compartilhados, permitem acesso ao WhatsApp do “pesquisado.” Em posse da conta roubada, ele pode se fazer passar pela vítima para pedir empréstimos a seus amigos e parentes, por exemplo. Com informações G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário