Páginas

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2022

Acidente na PR-218 - Identificadas as quatro pessoas que morreram nesta quarta-feira

 

Foram identificadas no início da noite desta quarta-feira (2), as quatro pessoas que infelizmente morreram em um trágico acidente, registrado por volta das 17h00 de hoje, na rodovia PR-218, em Astorga (PR). No local ocorreu uma colisão frontal, envolvendo um veículo GM Astra e uma carreta basculante. Com a violência da batida, o automóvel ficou totalmente destruído, e todos os ocupantes tiveram mortes instantânea. O carro era conduzido por Daniel Luiz da Silva Costa, de 24 anos. Ele estava na companhia da esposa Stephanie Dieniffer Pereira dos Santos, de 20 anos, da filha Ana Júlia de apenas 01 ano e 08 meses, além do amigo e companheiro de trabalho, Marcos Germano Gomes, de 25 anos. Todos residiam na cidade de Munhoz de Melo. De acordo com as informações colhidas no local da tragédia, Daniel e Marcos retornavam do trabalho. Eles passaram na casa da sogra de Daniel, que mora na cidade de Astorga, e pegaram mãe e filha. Na sequência saíram em direção a Munhoz de Melo. Em um trecho de descida da rodovia, o condutor do carro perdeu a direção e invadiu a pista contrária. O Astra colidiu violentamente contra a carreta. O motorista da carreta foi socorrido apresentando ferimentos leves. O acidente mobilizou equipes de resgate do 5ª Grupamento do Corpo de Bombeiros de Maringá, Veículo de Intervenção Rápida do Samu, Bombeiro Comunitário e equipe Samu da cidade de Astorga além do Aeromédico Saúde 10. Patrulheiros da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), irão apurar as circunstâncias do acidente. Porém existe a possibilidade, da chuva ter contribuído com o ocorrido. Já que a pista estava molhada, e a princípio o carro teria aquaplanado, após passar sobre uma poça d’ água. No local foi constatado, que as vítimas não usavam o cinto de segurança. A criança estava no colo da mãe, que viajava no banco da frente. Os corpos foram removidos e encaminhados para o IML de Maringá. A equipe Uniprev, auxiliou na remoção. Informações do repórter Corujão Noticias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário