Páginas

terça-feira, 3 de maio de 2022

Em audiência de custódia, juiz decide que Ronaldo Massuia deve permanecer preso

Momento em que policial federal atira contra clientes de posto de gasolina em Curitiba

Durante audiência de custódia, realizada na tarde desta terça-feira (3) no Fórum Criminal de Curitiba, o juiz decidiu que Ronaldo Massuia Silva, 43 anos, deve continuar preso. O policial federal iniciou um tiroteio em uma loja de conveniência em um posto de combustíveis de Curitiba, na madrugada de segunda-feira (2).

Nenhum comentário:

Postar um comentário